Gordofobia? Vem entender a polêmica envolvendo Revolve e LPA

Divulgação
O suéter já foi tirado do ar e a Revolve prometeu doar US$ 20 mil (aproximadamente R$ 83 mil) pra instituição "Girls Write Now". O que você achou?
O suéter já foi tirado do ar e a Revolve prometeu doar US$ 20 mil (aproximadamente R$ 83 mil) pra instituição "Girls Write Now". O que você achou?

No dia 12/09 o pessoal do Twitter – incluindo a modelo plus size Tess Holliday – ficou bem bravo com as marcas Revolve e LPA! O motivo? O lançamento de um suéter com a frase “Being fat is not beautiful, it’s an excuse” (Ser gordo não é bonito, é uma desculpa) com uma modelo magra usando a peça na imagem de divulgação! A peça faz parte da coleção da LPA com Lena Dunham, que conta com 5 suéteres com estampas de comentários maldosos deixados no Instagram da atriz e outras 4 celebsSuki Waterhouse, Cara Delevingne, Emily Ratajkowski e Paloma Elsesser (com a frase que deixou os internautas revoltados). O objetivo era chamar atenção pro cyberbullying e criar uma comunidade de apoio pros mais afetados com esse tipo de situação, mas parece que não deu muito certo… Os lucros seriam destinados a “Girls Write Now“, uma instituição de caridade focada em orientar mulheres carentes pra ajudá-las a encontrar suas vozes e contar suas histórias pela prática da escrita.

Leia também: diversidade tomou conta das capas de setembro!

Em comunicado oficial da Revolve, “a coleção LPA x Lena foi um projeto que defendemos e acreditamos. O produto lançado em nosso site era parte de uma colaboração destinada a esclarecer a escuridão da internet, imprimindo comentários reais e prejudiciais que foram deixados nos feeds de mídia social de mulheres de todos os lugares. A intenção não era promover ou endossar essas palavras odiosas, mas sim empoderar todas as mulheres, fazendo-as entender que até mesmo as mulheres mais bonitas e bem-sucedidas do mundo estão sujeitas a mensagens odiosas dos bullies da internet. Em uma supervisão horrível de nossa parte, o comentário odioso que julga Paloma por seu peso não foi fotografado em uma modelo apropriada. Estamos horrorizados e realmente lamentamos que tenhamos cometido esse erro. (…) Nós da Revolve pedimos sinceras desculpas a todos os envolvidos – particularmente Lena, Emily, Cara, Suki e Paloma -, nossos clientes fiéis e a comunidade como um todo por esse erro. A coleção foi retirada do ar e temos o orgulho de doar US$ 20 mil (aproximadamente R$ 83 mil) pra ‘Girls Write Now’, na esperança de que aqueles que precisam ainda possam se beneficiar do que seria uma colaboração significativa, perspicaz e impactante da LPA”!

Uma plataforma pra divulgar modelos de todos os tamanhos

Lena Dunham e a LPA também se manifestaram! Lena postou uma foto em seu Instagram e, na legenda, disse que ficou bem chateada com a maneira que a Revolveu lidou com o assunto, retirando seu apoio à campanha (eita!) e deixando claro que seu objetivo é empoderar mulheres através de arte e diálogo. A atriz também fez questão de mostrar seu apoio pra Paloma, dizendo que “como eu, ela fez sua citação em boa fé e compartilhou sua vulnerabilidade pra apoiar a educação artística e pra divulgar sua mensagem de empoderamento, e não foi consultada no marketing. Nem uma grama de negatividade deve ser enviada pra ela”. Em seu Instagram, a LPA afirmou que houve uma falta de comunicação e a coleção foi lançada antes do combinado, e na verdade o produto deveria aparecer em Lena, com uma explicação sobre a campanha!

Que confusão, né? O objetivo das marcas foi por água abaixo! Mas pensando em toda campanha body positive que vem rolando, fica difícil de defender! Vamos ficar de olho nos próximos capítulos!

Tags:                                  

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest Whatsapp

Escolhas da Lilian

Últimas