Vem ver os estilistas que estão na corrida pelo prêmio LVMH!

01.03.2019

O prêmio LVMH anuncia os 20 semifinalistas que estão na corrida pra edição desse ano. Os nomes, como de praxe, vem das mais diversas nacionalidades e levantam bandeiras sociais e ambientais, como sustentabilidade e representatividade. Esse fator, aliás, hoje é fundamental na hora da escolha do ganhador segundo Delphine Arnault, fundadora do prêmio e vice-presidente executiva da Louis Vuitton.

Vem ver: Estilistas do mundo todo (e do Brasil!) na Somerset House

Agora 63 profissionais de moda que incluem a academia, e-commerce, varejo e jornalismo, devem encurtar a lista pra oito finalistas após um showroom de dois dias na sede da LVMH, nos dias 1 e 2/03. Dentre os nomes da banca de jurados estão Maria Grazia Chiuri (Dior), Nicolas Ghesquière (Louis Vuitton), Marc Jacobs, Clare Waight Keller (Givenchy), JW Anderson (Loewe) e Humberto Leon e Carol Lim (Kenzo). E o prêmio final? Nada menos do que € 300 mil (mais de R$ 1,2 milhão), além de um ano de mentoria com os muitos experts do grupo. O vencedor vai ser anunciado em junho. Legal, né? Entre os que já ganharam estão Marine Serre e Grace Wales Bonner. Vem ver quem são os concorrentes na galeria! 

A marca Anrealage, do japonês Kunihiko Morinaga, fez um desfile diferentão em que as roupas mudavam de cor! A gente já entrevistou Morinaga quando ele veio pro Brasil. Vem ver mais aqui
O estilista sul-africano Thebe Magugu aposta na contemporaneidade mesclada com suas origens africanas
A chinesa Susan Fang reside em Londres e gosta de atribuir a beleza da natureza e feminilidade às suas criações! Ela já trabalhou com Stella McCartney e na Celine
Já teve look do holandês Duran Lantink em clipe da Janelle Monáe (lembra da calça em formato de vagina?). Atualmente ele trabalha recortando e ressignificando peças de estoque, dando uma segunda vida pra elas
Kiko Kostadinov é a marca do estilista búlgaro Kiril Kostadinov, que já carrega em seu currículo parcerias com grandes empresas como a Asics
A marca do irlandês Richard Malone tem um trabalho de modelagem de caráter superescultural
Phipps, criada pelo americano Spencer Phipps, que já trabalhou com Marc Jacobs e Dries van Noten, explora um dos principais pilares do prêmio: a sustentabilidade. Práticas de produção mais conscientes e material eco-friendly estão na sua agenda
Marie-Ève Lecavalier é canadense e já ganhou o prêmio Chloé no festival de Hyères! Estagiou com Alexander Wang e Raf Simons, e hoje, com sua marca própria Lecavalier, gosta de mexer com elementos do universo dos emos e skatistas dos anos 2000
Paria/Farzaneh é da estilista de origem iraniana Paria Farzaneh que reside em Londres. Ela combina referências e padrões iranianos com estampas ocidentais. Uma de suas peças ficou conhecida após ser usada por ninguém menos que Frank Ocean!
A marca 3.Paradis, sob os cuidados do francês Emeric Tchatchoua, mistura elementos de streetwear e alfaiataria na moda masculina
As peças da sino-americana Caroline Hu mais parecem uma obra de arte: sua principal fonte de inspiração é a pintura, e todo o seu trabalho está enraizado no romantismo e no artesanato! Ah, e ela já trabalhou com Tory Burch e Jason Wu
Emily Adams Bode inaugurou sua marca masculina de NY, intitulada Bode, com peças feitas de mantas antigas, guardanapos, toalhas e cortinas
Eftychia Karamolegkou é uma estilista grega que aposta em formas e recortes largos, repaginando peças clássicas de alfaiataria
O nigeriano Kenneth Ize constrói roupas unissex nesse tecido feito à mão típico da Nigéria, conhecido como “aso oke”
Bethany Williams carrega um prêmio de peso (o Prêmio Rainha Elizabeth 2º por Design Britânico). Além de ser sustentável, a estilista faz questão de incluir comunidades de baixa renda em seu processo de produção pra incluí-las no mercado de trabalho
Após de deixar a Lanvin depois de 4 anos estagiando na marca, o estilista francês Boramy Viguier decidiu que era hora de trilhar seu próprio caminho. Sua marca é carregada com elementos utilitários como bolsos, zíperes e outros detalhes
A dupla coreana Kanghyuk Choi e Sanglak Shon chega ao prêmio LVMH com um projeto fora do comum: os estilistas confeccionam suas peças a partir de airbags (sim, aqueles de carro mesmo!), seguindo a prática de reutilização sustentável
O israelense Hed Mayner usa suas raízes pra criar peças influenciadas pela tradicional alfaiataria judaica ortodoxa
O suíço Kevin Germanier pretende mudar o combo moda festa e sustentabilidade: ele usa contas descartadas pra construir os looks!
Stefan Cooke já carrega consigo os prêmio L’Oréal Professionnel Creative, bem como o H&M Design Award de 2018, além de já ter estreado na Semana de Moda Masculina de Londres

Tags:                                                                                            

Compartilhar