Categorias: Celebridades Moda

O fotógrafo Patrick Demarchelier é acusado de assédio sexual

17.02.2018

O fotógrafo Patrick Demarchelier, um dos nomes mais respeitados do mundo da moda, foi acusado de assédio sexual. Segundo um extenso relatório do “The Boston Globe“, mais de 50 modelos, incluindo grandes tops como Coco Rocha e Abbey Lee, relataram uma série de abusos sofridos durante o trabalho. 

Veja também: Mario Testino e Bruce Weber são acusados de abuso sexual

Foram denunciados mais de 25 fotógrafos, agentes, stylists, diretores de casting e outros profissionais da indústria, incluindo Patrick, uma das maiores bombas da lista. A Condé Nast, que recentemente suspendeu sua relação com Terry Richardson, Bruce Weber e Mario Testino, disse ao Globe que a empresa parou de trabalhar com Demarchelier em dezembro.

Confira: Terry Richardson banido da “Vogue” e da Condé Nast

Uma das assistente de fotos de Demarchelier disse ao jornal que escreveu um e-mail em outubro pra Anna Wintour, editora- chefe da Vogue, contando sobre as investidas “implacáveis” que Patrick fez quando ela era estagiária com apenas 19 anos. Outras 6 mulheres relataram abuso do fotógrafo, incluindo “empurrar as mãos de um modelo pra seus órgãos genitais e agarrar os seios de outra modelo, além de fazer propostas vulgares”. A maioria falou sob a condição de anonimato, por medo de repercussões na carreira. Demarchelier nega a alegação, assim como todos os homens acusados:”As pessoas mentem e contam histórias” disse o fotógrafo. 

Tags:                            

Compartilhar