Morre aos 66 anos Franca Sozzani, a editora-chefe da “Vogue” Itália

22.12.2016

2016 em família: Kate Moss posa com a filha Lila Grace
Em 2015, essa capa irresistível com Anna Cleveland, Erin O’Connor, Frankie Rayder, Sasha Pivovarova e Yasmin Warsame
Chuva de top na capa de 2014 que comemorava 50 anos da “Vogue” Itália
2013 teve várias capas boas (inclusive uma com a Gisele, linda) mas a gente escolheu essa com Fei Fei Sun <3
Capa babado com Carolyn Murphy em 2012
2011 com plus size sexy
Um tombo fino na capa de 2010
2009 e o Twitter fez com que Franca procurasse no Twitpic a linguagem dessa capa
Em 2008, aparece uma novidade quente: o Black Issue, que trazia só modelos negras nas capas e no recheio
A polêmica edição da rehab em 2007
A febre do tapete vermelho representada por Nicole Richie em 2006
A cirurgia plástica e tratamentos invasivos eram temas recorrentes de Franca – aqui em 2005
Karen Elson exótica em 2004
O cabelão de Daria Werbowy em 2003
Raquel Zimmermann ruiva pra 2002, só no boxe
2001 com Trish Goff de novo, dessa vez ao lado de Jacquetta Wheeler
2000 pede passagem pra nova geração
Fim de 1999 traz Carol Ribeiro, supernovinha
Falando em filme… 1998 com uma capa que cita “Blade Runner”
A gente ama essa capa: Naomi Campbell e a citação ao filme “A Noite dos Desesperados” em 1997
Kate Moss em 1996
Trish Goff e Amber Valetta encarnam os anos 90 nessa capa de 1995
Nadja Auermann usa um blush que a gente nunca pensaria em encontrar numa capa de revista de 1994
1993: supermodelos fazem a festa do pijama… ou seria da camisa branca?
Em 1992, falando em beleza italiana: uma capa à Sophia Loren
O encontro de mitos: o fotógrafo Steven Meisel clica Madonna na capa da “Vogue”. Isso marcaria a parceria dos dois pra sempre: Meisel fez alguns dos cliques mais famosas da cantora
E em 1990! Um símbolo da beleza italiana
Isabella Rosselinni posa em 1989…
Essa é a 1ª capa de Franca Sozzani como editora-chefe da “Vogue” Itália. Simples, já clicada por Steven Meisel, da edição de julho/agosto de 1988 – vem ver uma retrospectiva

Foi anunciada em carta aberta no site da “Vogue” Itália a morte de Franca Sozanni, editora-chefe da publicação. O texto de Jonathan Newhouse, chefe executivo da Condé Nast International, conta que ela morreu hoje, 22/12, em Milão. A causa da morte foi uma doença não-especificada, contra a qual Franca batalhou durante o ano.

Kate Moss e a filha na capa “Vogue” Itália

A editora ocupava o cargo na “Vogue” italiana desde 1988 e marcou a história da publicação com seu estilo ousado e provocativo. Ela fez coisas que nenhuma outra “Vogue” ousou publicar antes: um editorial inteiro inspirado em rehab; outro no processo de segurança dos aeroportos pós-setembro de 2001; e ainda teve um todo criado em Twitpic, as fotos digitalizadas do Twitter… Inspiradora, sem medo de comentar questões da sociedade. Franca morreu acompanhada por seu filho, Francesco Carrozzini, que esse ano lançou um documentário sobre os anos de carreira da mãe: “Franca: Chaos and Creation. Na galeria você encontra as capas da carreira da italiana pra “Vogue” desde a 1ª, em 1988, e mais uma pra cada um desses 28 anos dedicados ao jornalismo de moda, e a maior parte clicada por Steven Meisel, o fotógrafo que trabalhou por mais tempo com ela – clica na foto pra acessar essa nossa homenagem.

Tags:            

Compartilhar