H&M é acusada de queimar 12 toneladas de roupas novas por ano

Divulgação
Campanha "Recycle your clothes" da fast-fashion H&M
Campanha "Recycle your clothes" da fast-fashion H&M

Acusação grave pra fast-fashion H&M: Segundo o site “Fashion United”, o programa de TV dinamarquês “Operation X” começou a investigar o que acontecia com as roupas que não eram vendidas na rede e chegou à conclusão que a superprodução excedente é incinerada pela marca.

Confira: sustentabilidade da cabeça aos pés! 

A apuração dos jornalistas os levou pra uma empresa de eliminação de resíduos chamada Kara/Noveren, onde 30.000 calças jeans com etiqueta foram entregues pra incineração. E outra investigação descobriu que a companhia havia queimado 60 toneladas de vestuário novo da H&M desde 2013 – ou seja, 12 toneladas por ano.

Segundo porta-voz da gigante de moda, “as roupas apresentadas no programa são ordens interrompidas que foram enviadas pra incineração por causa do molde ou porque não cumprem restrições químicas rigorosas,” e acrescentou que as calças tinham uma grande quantidade de chumbo.

Veja também: H&M completa 70 anos!

O “Operation X” conseguiu dois pares de calças que iam ser queimados e comprou dois modelos da loja pra serem avaliados (e comparados) em laboratório. Eles afirmam que nenhuma das peças testadas apresenta vestígios de mofo e que o nível de chumbo encontrado nas calças que vieram da empresa de resíduos era de apenas 1/10 do valor limite permitido, até menor que o percentual do chumbo das outras duas.

A H&M rebateu enfatizando que os testes realizados pelo programa de TV diferem dos seus, e que eles seguem normas de segurança pra preservar seus clientes. A fast-fashion também disponibilizou os resultados de seu teste online. Vale lembrar que a marca já foi acusada em 2010 de cortar e despejar no lixo milhares de sacolas de roupas em NY. O que você acha disso? Conta pra gente nos comentários!

Tags:        

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest Whatsapp

Escolhas da Lilian

Comentários via Facebook

Comentários (2)

  • Neide disse:

    Pq não doam? Ou vendem mais barato😢

  • Juliana disse:

    Um dia eu me perguntei para onde vai toda essa roupa produzida a um custo baixíssimo e não são vendidas. Aí está a resposta. Se o custo é baixo para produzir, devido a exploração de mão-de-obras de países em desenvolvimento, não há custos que os impedem de descartá-las indevidamente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas