Gal Costa em doc – a gente adora!

09.06.2017

Curtiu?
Primórdios: na década de 60, com um look de deixar Miuccia Prada doida, né?
Gal sempre combinou essas imagens bem femininas (flor no cabelo, bustiê, barriga de fora) com a força do seu canto e do seu talento. Aqui ela segura o violão, em 1974
Gal brincou com o cabelão e incluiu ainda mais fios pras fotos de divulgação e capa de “Estratosférica”, do ano passado
Em “Caras e Bocas” de 1977, o cabelo esvoaçando na cara…
Num especial pra Rede Manchete de “Profana”, em 1985: reparou que é o rosa claro que é moda hoje?
Ela já mostrava a barriga antes – aqui no show “Fa-Tal”, um clássico
E o charme dos looks dos Doces Bárbaros, quando Gal se uniu a Maria Bethânia, Gilberto Gil e Caetano Veloso pra uma série de shows?
E olha a capa de “Índia”, focando na tanga: imagina o escândalo que foi isso em 1973? Rolou censura, claro, e o disco foi vendido envolto num plástico pra não mostrar o clique
Gal nunca teve muito pudor mesmo: ela já posou pra revista “Status” em 1985
No caso de Gal, às vezes a falta de roupa gerou mais notícia que o figurino em si! É o caso do show dirigido por Gerald Thomas em 1994 no qual ela abria a blusa pra cantar “Brasil”
E a Gal tropicalista? Tipo antecipando o grunge dos anos 90…
E sim, você não está louco: esse look da turnê “Estratosférica” é Gucci, mesmo…
Gal também tem uma relação íntima com Narciso Rodriguez, estilista do line-up da Semana de Moda de NY – ele já a vestiu muito, e sempre confessou que ela, entre outras brasileiras, é uma grande inspiração
Um dos estilistas que fez looks supermarcantes pra Gal foi Markito – o mineiro que vestia todas as famosas da década de 80! E ele adorava um paetê, uma pluma – bem glamouroso! O clique é do show “Fantasia”, de 1981
Olha esse poster da revista “Pop” de 1973: entre os jeans e lantejoulas! <3
Em “Profana”, de 1984, uma das poses mais clássicas de Gal: pó branco, boca vermelha, olho negro. Praticamente uma máscara!
Nem sempre a boca foi o foco da maquiagem de Gal. No primeiro disco, de 1969, olha aí: olhão tudo boca nada!
O sorriso, a boca, o cabelo e, acima de tudo, a voz: Gal! A gente está superansioso pelo documentário e preparou uma galeria pra… aumentar ainda mais a ansiedade? Hahaha! Vem ver!

Sabe o que vai estrear na HBO nesse próximo domingo, 11/06, às 22h? O documentário-minissérie em 4 capítulos “O Nome Dela é Gal“, sobre a trajetória de Gal Costa, uma das maiores cantoras brasileiras de todos os tempos! E Gal, além de tudo, é ícone máximo de estilo, com o seu cabelo, seus looks (que já foram do estilista brasileiro febre dos anos 80 Markito a Narciso Rodriguez), sua boca vermelha, provocações em imagens que viraram clássicos da transgressão como a capa do discoÍndia” focando na sua tanga (em 1973 – Madonna lançaria seu 1º álbum só 10 anos depois!) ou o show “O Sorriso do Gato de Alice” no qual ela, dirigida pelo polêmico Gerald Thomas, abria a blusa e mostrava os peitos aos 48 anos cantando “Brasil“. E a gente nem falou do visual “maluco beleza” da Tropicália e do recente maxicabelo da capa de “Estratosférica” em 2015. É até estranho perceber que a imagem de Gal não inspire mais desfiles e ensaios fotográficos de moda… Vamos resolver isso aí, pessoal? Risos! Enquanto isso a gente reúne algumas imagens bem marcantes de Gal na galeria – confira clicando na foto!

Tags:                        

Compartilhar