“Elle” Brasil e outros títulos da Abril fecham hoje

Divulgação
Uma das capas da "Elle" de agosto, que deve ser uma das últimas Próxima Ver mais fotos
Uma das capas da "Elle" de agosto, que deve ser uma das últimas

Os funcionários estão sendo avisados das demissões agora, em 6/08. “Elle” Brasil, “Cosmopolitan” Brasil, “Boa Forma” e outros títulos como “Mundo Estranho” e “Casa Claudia” fecham em definitivo a partir de hoje, pelo que os recém-demitidos comentam. Entre os outros, revistas como “Vip” e “Viagem e Turismo” podem continuar tocadas por parceiros, apesar da Abril também já ter demitido as equipes. Com certeza, seguem apenas 3 publicações: “Veja”, “Exame” e “Claudia”. Estima-se um enorme volume de demissões, decorrência da nova gestão da consultoria americana Alvarez & Marsal que começou há 3 semanas. O que se comenta é que a editora Abril pode entrar com pedido de recuperação judicial. O site Lilian Pacce se solidariza com os colegas e aguarda posicionamento oficial da empresa.

ATUALIZAÇÃO 6/08, às 18h50: A gente transcreve o comunicado oficial da Abril distribuído nessa tarde abaixo.

“O Grupo Abril comunica que, como parte do seu processo de reestruturação, está reformulando o portfólio de marcas da editora com o objetivo de garantir sua saúde operacional em um ambiente de profundas transformações tecnológicas, cujo impacto vem sendo sentido por todo o setor de mídia.

O processo tornou-se obrigatório dentro das circunstâncias impostas por uma economia e um mercado substancialmente menores do que os que trouxeram a Abril até aqui.

Com isso, a empresa passará a concentrar seus recursos humanos e técnicos em suas marcas líderes: VEJA, VEJA SÃO PAULO, EXAME, QUATRO RODAS, CLAUDIA, SAÚDE, SUPERINTERESSANTE, VIAGEM E TURISMO, VOCÊ S/A, VOCÊ RH, GUIA DO ESTUDANTE, CAPRICHO, MDEMULHER, VIP e PLACAR. Marcas que somam audiência qualificada de 125 milhões de visitantes únicos por mês e 5,2 milhões de circulação nas versões impressa e digital por mês, além de centenas de eventos.

Aos profissionais que atuaram nos títulos que estão sendo descontinuados, nosso agradecimento pela dedicação e pelo profissionalismo.

Em consonância com sua trajetória e relevância na imprensa brasileira, a Abril reafirma o seu compromisso de manter vivo o jornalismo de qualidade. Uma imprensa forte, livre e idônea em seus princípios é essencial para o desenvolvimento do Brasil e o único antídoto contra desinformação e fake news.”

Tags:          

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest Whatsapp

Escolhas da Lilian

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas