Categorias: Moda

Associação Médica Americana contra o Photoshop em campanhas

28.06.2011

ReproduçãoO polêmico Photoshop na campanha da Ralph Lauren de 2009

Um Photoshop que deixa a modelo bizarramente magra assusta qualquer um. Mas de tanto que as marcas (de moda ou não) continuam insistindo nessa prática, a organização dos médicos dos EUA, a AMA, soltou um comunicado oficial dizendo que “tais alterações podem contribuir pra expectativas irreais de imagem de corpo apropriada – especialmente entre crianças e adolescentes impressionáveis” e pedindo pra que agências de publicidade trabalhem junto com associações dedicadas à saúde da criança e do adolescente pra estabelecer parâmetros nas campanhas. Deveria ser mais simples, uma vez que só de bater o olho em algumas fotos a gente já percebe que ela está anormal – mas já é um passo… Resta saber se vai funcionar. Pra quem não lembra, em 2010 o governo inglês acenou a possibilidade de existir um selo de “contém Photoshop” nas fotos – mas, até agora, nada foi feito de concreto.

VEJA MAIS: Sônia Braga ama Photoshop!
LEIA MAIS: Valentina, a garota Ralph Lauren

Tags:          

Compartilhar