Categorias: Moda

Calvin Klein pós-censura

25.06.2009

Reprodução
Doutzen em tamanho giga

Após a censura de mais uma campanha da provocativa Calvin Klein (na TV), um outdoor do Soho com a mesma imagem do anúncio em vídeo foi trocado. A imagem muito sensual de 4 modelos num sofá foi substituída por Doutzen Kroes de biquíni – sexy, apesar de sozinha. Francisco Costa, o estilista brasileiro da marca, defende: “Estamos em NY, é século XXI!”.

A Calvin Klein já foi acusada inúmeras vezes de passar imagens sexualmente fortes demais. Pra quem não se lembra: Natalia Vodianova e Kate Moss fizeram fama, entre outras coisas, usando o jeans da marca – e quase sempre mais nada! Ficar seminua ou totalmente nua pra CK era coisa corriqueira. Antes, nos anos 80, Brooke Shields foi a garota-propaganda, imortalizando a frase “You want to know what comes between me and my Calvins? Nothing…” (Sabe o que vem entre mim e meu Calvin Klein? Nada…), falando em não usar calcinha bem antes disso virar moda entre Britneys e Lindays.

Reprodução

Image 1 of 14

Doutzen Kroes na campanha que substituiu...

A última vítima foi a atriz Eva Mendes. Um anúncio com ela pro perfume Secret Obsession, da Calvin Klein, também passou por censura. Dê uma olhada na galeria e diga: você concorda com as autoridades ou acha que é um exagero?

Tags:                        

Compartilhar