Biquíni novo pro verão: Hype

20.01.2015

A série de novas marcas de biquíni continua! Dessa vez, Blog LP te apresenta a Hype, criada pelas irmãs Marion e Heloisy Oliveira. A marca, que existe há pouco mais de um ano, é especializada nos modelos ripple – aquele que levanta o bumbum – e nos tops com recortes. Os biquínis fazem a cabeça de atrizes como Giovanna Ewbank e Paloma Bernardi e são hit no Instagram. Confere a entrevista com Marion abaixo e depois conta pra gente o que achou nos comentários!

Veja também: os biquínis entre Pernambuco e SP de Caroll Falcão

Como a marca começou?
Quando era pequena, minha mãe tinha uma loja de biquínis em Juquehy, era revendedora da Poko Pano, sabe? Eu e minha irmã Heloisy íamos bastante à praia e sempre gostamos desse universo. Comecei a procurar alguns modelos diferentes de biquíni e não achava de jeito nenhum, então resolvi criá-los eu mesma! Tinha uma amiga que era dona de oficina, e pedi pra ela fazer pra mim. Depois, várias amigas compraram as peças e foram contando pra outras pessoas. Decidimos criar a marca e começamos a divulgar por aí, mandei pra algumas pessoas que conhecia e o meu cunhado [o ator Micael Borges] também ajudou! A Hype existe há 1 ano e três meses. Nunca imaginei que ela ia crescer tanto em tão pouco tempo! Eu e a Heloisy criamos toda a coleção juntas, mas enquanto fico mais na parte de produção, ela é responsável pela divulgação nas redes sociais e pelo site.

E por que o nome “Hype”?
Foi minha irmã que escolheu! Na época a gente escutava bastante a palavra, que é relacionada ao novo, à tendência do momento… Tudo ver com a nossa marca!

Qual foi a maior dificuldade que você encontrou ao criar uma marca de biquíni?
Com certeza encontrar mão de obra especializada! Foi e ainda é a maior dificuldade! Nossa produção é terceirizada, mas gostaríamos de fazer nossa própria produção no futuro!

Quem é o público de vocês?
São jovens, com até 30 anos, que prezam pelo conforto mas procuram peças diferentes! A brasileira ainda é muito presa a tal “marquinha de biquíni”, mas mesmo assim é atraída pelas novidades. Nossas clientes também usam as peças fora da praia: saídas de banho como vestido, os maiôs como bodies e os tops pra sair de noite. E isso é muito bom pois deixa de ser uma compra sazonal!

Qual é a faixa de preço?
Acho que o modelo mais caro da loja é um maiô de crochê com elastano (R$ 600) mas ele é feito à mão, uma peça diferenciada. A faixa de preço mesmo varia de R$ 100 a R$ 200.

Veja também: os biquínis supermodernos da Chapéu Beachwear

Em que você se inspira na hora de criar e quais são suas referências?
Viajo bastante e também estou sempre antenada nas tendências! Gostamos muito do étnico e também de temas rústicos. As campanhas da Hype também traduzem muito nosso universo.

E qual é o diferencial da Hype?
Nós estamos extremamente ligadas à qualidade. Desde à linha utilizada até o tecido e a modelagem. Sempre pensamos no conforto versus a novidade. E as nossas estampas também são exclusivas, pesquisamos muito antes de criá-las!

Quem você acha que é a cara da marca?
Acho que a Giovanna Ewbank tem tudo a ver! Ela inclusive usa vários de nossos modelos. Tem também a Thaila Ayala, Paloma Bernardi, Pérola Faria e etc.

Qual é o modelo queridinho das clientes?
O ripple (que aumenta o bumbum), sem dúvidas, é hit da loja. As meninas só usam esse biquíni e não é só aqui no Brasil! Os modelos de crochê e os tops com tiras também fazem muito sucesso.

O que podemos esperar de novidade?
A nossa próxima coleção de inverno já está rodando e está bem bonita! As peças são inspiradas na África e os modelos tem muito tule, veludo e tiras.

Hype: (11) 4193-5588

Tags:                            

Compartilhar