Categorias: Moda Modelos

Angel da Victoria’s Secret: “Espera-se que os modelos não digam uma palavra”

08.04.2018

As modelos não costumam se pronunciar sobre os problemas do mundo da moda – mas isso está mudando! Com o crescimento de movimentos contra o assédio e violência contra a mulher (tipo a #TimesUp, que tomou conta de Hollywood) e de denúncias apontando profissionais da moda (como aconteceu com os fotógrafos Terry Richardson e Patrick Demarchelier), fica claro que posturas sexistas estão na mira e o debate ganha espaço.

Beleza militante: o batom contra o abuso sexual

A modelo portuguesa e angel da Victoria’s Secret Sara Sampaio contou em entrevista pra revista “Porter” questões bem delicadas da profissão. Desse bate-papo, a gente seleciona 6 frases pra te fazer pensar na carreira delas, que ainda é excessivamente glamourizada. Dá uma conferida:

. “Espera-se que os modelos apareçam no set, estejam bonitas, façam seu trabalho e não digam uma palavra.”
. “Quando abrimos nossa boca [pra falar alguma coisa], somos consideradas difíceis, cheias de opinião e problemáticas; falam pra gente que não sabemos do que estamos falando.”
. “Fico OK com nudez, já fiz trabalhos desse tipo no passado, mas não quero mostrar meus seios pra uma revista masculina.”
. “Acho hipócrita que agora as pessoas querem que todos sejam iguais, querem que todos sejam feministas. Se uma garota está sendo sexy porque ela quer, as pessoas dizem: ‘Oh, não, você não pode ser sexy’. Isso não é antifeminismo?”
. “É uma indústria tão descartável que as meninas se sentem como se não pudessem dizer nada, porque há outra garota lá fora que vai fazer isso [ficar calada].”
. “A Victoria’s Secret não é voltada para homens. Estamos vendendo lingerie pra mulheres. Estamos vendendo um sonho. Todo mundo quer se sentir sexy.”

E aí? O que você acha? Conta pra gente nos comentários!

Tags:                                    

Compartilhar