Categorias: Moda

A Cinderela que na verdade… é Príncipe Encantado

26.02.2011

Era uma vez Andrej Pejic… Você sabia que o modelo do momento já foi um refugiado de guerra? Ele tinha apenas 6 meses e morava com sua mãe e o irmão mais velho na Bósnia quando a guerra civil começou. Saíram de lá com apenas a roupa do corpo, e tudo mudou quando foram morar em Broadmeadows, um subúrbio de Melbourne, em 2000. No final do ensino médio Andrej foi descoberto, e daí pra Paris foi tudo muito rápido. O garoto de repente descobriu que era… a garota que todos queriam.

Seu agente criou a expressão femmeman pra se referir ao modelo – mas ele mesmo acha estranho ser chamado dessa maneira. Quando lhe perguntam sobre sua aparência, Andrej diz: “Acho que sou atraente, mas não desejável”. E também: “Como mulher sou sexy, como homem sou raso”. Não é o que pensa o mundo da moda, que chama o rapaz tanto para castings masculinos como pra femininos. O representante da onda andrógina ao lado de Lea T. mostra que sabe da efemeridade de sua carreira quando fala que “enquanto puder pagar a hipoteca da casa de minha mãe, farei isso”. E sabe o que sua mãe achou de sua atuação no desfile de Jean Paul Gaultier? “Ele é a garota mais bonita que já vi num vestido de noiva”, disse Jadranka Pejic. Que máximo! Na galeria, veja fotos recentes de Andrej Pejic fotografado por Juergen Teller pra “Zeit Magazine“.

Tags:                  

Compartilhar