“Fio da Meada” valoriza o artesanato

13.11.2015

Luminária florida de Maria Fernanda Paes de Barros
A poltrona de Mari Dabbur
Estante e banco de Maria Fernanda Paes de Barros
Mesa tipo “rendada” de Mari Dabbur
Balanço bem charmoso de Maria Helena Emediato

Começou a exposiçãoFio da Meada” na A Casa Museu do Objeto Brasileiro e o tema principal é o têxtil artesanal desenvolvido por quatro designers brasileiras: Mari Dabbur, Marina Dias, Maria Helena Emediato e Maria Fernando Paes de Barros. Elas criaram peças de mobília em parceria com grupos de artesãos da cidade de Muzambinho, MG, onde toda a experiência começou, lá em 2014, com intuito de valorizar o trabalho artesanal e quebrar o estereótipo que gira em torno da profissão. O interessante das quatro pessoas estarem trabalhando em cima da mesma coisa é ver como, mesmo assim, não só as histórias como os resultados não são os mesmos.

Veja mais: As pinturas de Dorival Caymmi nas camisetas da Reserva

Pra mostrar isso, o evento disponibiliza as obras dentro do espaço expositivo de maneira que conte as experiências que as designers viveram em um painel de fotos. Uma das coisas mais legais é que os visitantes podem participar da elaboração das obras, compondo luminárias com retalhos de tecido e dando identidade própria a cada uma delas. Vem conferir algumas na galeria – é só clicar na foto!

Fio da Meada”
Até 5/02/16, de segunda a sexta, das 10h às 19h
A Casa, Anexo: av. Pedroso de Morais, 1234, Pinheiros, SP
(11) 3814-9711
Entrada gratuita

Tags:                          

Compartilhar