A moda lamenta a morte do fotógrafo Hiro aos 90 anos nos Estados Unidos

21.08.2021

Divulgação

Hiro foi um dos fotógrafos originais que a moda já viu!

O fotógrafo nipo-americano Yasuhiro Wakabayashi, conhecido também como Hiro, morreu aos 90 anos no último domingo, 15/08, em sua casa de campo na cidade de Erwinna, Estados Unidos. Profissionais da moda como a modelo Bella Hadid prestaram homenagem a ele em suas redes sociais.

Hiro se destacou na moda e seu trabalho com em fotos na praia, entre os anos 1960 e 1990, com pegada surrealista, é uma das séries mais marcantes de sua carreira. Mas há muitos outros memoráveis como as fotografias de 1978 no lançamento da missão da Apollo 11; os cliques com Jerry Hall em 1975; algumas das imagens mais icônicas das criações de Cristóbal Balenciaga, como o vestido de 4 lados em 1967. Além disso, fez diversas campanhas pra joalheria Tiffany & Co, especialmente com a linha de Elsa Peretti. Seu trabalho faz parte do acervo dos melhores museus do mundo, como o Victoria & Albert, em Londres.

Divulgação

O famoso vestido da Balenciaga por Hiro em 1967 (esq.) e Jerry Hall em 1975 (dir.), na pegada surrealista

Filho de imigrantes japoneses, Hiro nasceu em Xangai, China, em 1930. Sua família voltou para o Japão no final da Segunda Guerra Mundial, em 1946. Ele, fascinado pela cultura norte-americana, se muda para o país em 1954 e dois anos depois consegue uma vaga de aprendiz no estúdio do renomado fotógrafo Richard Avedon (19232004).

Hiro tinha boas ideias, como fotografar cenas comuns do cotidiano sob uma ótica surrealista. Percebendo seu talento, Avedon o indica pra trabalhar na “Harper’s Bazaar” americana sob a tutela de outro lendário talento, o diretor de arte Alexey Brodovitch (18981971) – e aí que sua carreira deslanchou de vez. #rip

Divulgação

Os trajes usados no treinamento da Apollo 11

Tags:        

Compartilhar