Categorias: E Mais... Prazeres

A mania de podcast – e o que você deve ouvir!

04.03.2019

Quando a gente fala de podcast hoje em dia, já vem na cabeça o Spotify, né? No começo de fevereiro a plataforma anunciou a compra da Gimlet Media, empresa que produz podcasts de sucesso, e a Anchor, que te ajuda a criar e publicar podcasts – tudo isso de uma vez. Não foram anunciados valores, mas o mesmo Spotify já tinha prometido que investiria US$ 500 milhões só no ano de 2019 pra desenvolver o mercado de podcasts – que tal? Entre os estudos de tendência de consumo de conteúdo, já faz um tempo que se fala não de diminuição, como se acreditava, mas de variedade: as pessoas estão procurando informação e entretenimento em plataformas variadas, quebrando a hegemonia do texto escrito, da TV aberta… E sim, o áudio é uma tendência – o mercado de audiobook, por exemplo, está quentíssimo!

Pra você ter uma ideia, uma das notícias mais quentes de hoje, 4/03, é o podcast da… Chanel! A um dia do último desfile que tem o dedo de Karl Lagerfeld na Semana de Moda de Paris, eles soltaram uma entrevista concedida pelo estilista pra Tyler Brûlé, da revista “Monocle”, de 45 minutos! Chamado 3.55, ele ainda traz a participação de vários outros amigos da maison nos episódios anteriores, como com a atriz Keira Knightley e o ator Gaspard Ulliel – esse não tem no Spotify mas dá pra acessar no iTunes da Apple – clica aqui!

Enquanto isso, no Brasil, pelo menos quem é da moda está familiarizado com a palavrinha podcast faz um tempo. É que, na época do site da Erika Palomino e da House of Palomino, onde ficava a redação dele há mais de 10 anos, existia o Phodecast, um podcast que juntava a equipe dela conversando e que tocava música entre os papos. Aqui no site a gente também já teve a seção Podcast no começo, em 2008, com pílulas da Lilian que entravam na programação da rádio Eldorado, lembra? Quem sabe a gente não ressuscita a ideia, agora que a moda voltou?

E surpresa: o Phodecast em si está de volta desde novembro do ano passado, com André do Val e Juliana Andrade mais participação da Erika e do Sergio Amaral de vez em quando e de outros convidados. Só que eles não falam necessariamente só de moda, tá? Pra quem quiser algo mais fashion, também tem o recém-nascido Fashion Weekly do Augusto Mariotti e Camila Yahn, ambos do “FFW“.

Veja também: confira um roteiro vegano pra Los Angeles!

Fora isso, existem podcasts brasileiros que são mais, digamos, mainstream: NerdCast, Mamilos, Um Milkshake Chamado Wanda, Imagina Juntas, Poucas (do Cauê Moura) e Gugacast (do Guga Mafra) são daqueles que, se você ainda não ouve, pelo menos um amigo seu é fã. Também tem outros que são de notícias e ligados a grandes veículos, como o da “Folha de S.Paulo” (o Café da Manhã) e do “O Estado de S.Paulo” (o Estadão Notícias). Mas a gente decidiu fazer uma lista de sugestões pra incrementar a básica, tudo disponível no Spotify (é só colocar na busca)! Que tal? Vem:

. Chá com Rapadura
5 cearenses se juntam pra falar sobre variados assuntos – e o nome é porque elas moram na Inglaterra! Dizem que cearense já nasce humorista, e esse podcast pode ser a prova. Tente ouvir e não rir! E se for ouvir no transporte público: prepare-se pra rir sozinho na frente de todo mundo…

. Projeto Humanos – Caso Evandro
Guaratuba, 1992: a cidade do litoral paranaense passaria por uma tragédia envolvendo o desaparecimento de um menino de 6 anos, Evandro Ramos Caetano. O Projeto Humanos, que começou com a narração de histórias reais envolvendo pessoas (daí o nome), tem na sua quarta temporada que está rolando agora a sua trama mais eletrizante. O trabalho do professor universitário Ivan Mizanzuk de pesquisa e reportagem é intenso e seu storytelling é viciante. Mas a narrativa, que não poupa detalhes, não é indicada pra pessoas muito sensíveis… O negócio é tenso – lembra a série da Netflix “Making a Murder” mas com toques macabros!

. Estamos Bem?
Os programas da dupla de jornalistas Barbara dos Anjos Lima e Thiago Theodoro são sobre autoconhecimento – já falaram sobre relações tóxicas, pé na bunda, desapego, lidar com o próprio corpo… Invariavelmente nos fazem refletir sobre aspectos da nossa vida. Eles sugerem desafios, tentam ajudar em problemas apresentados pelos ouvintes e ainda dão dicas de filmes, livros etc. Sai toda segunda de manhã e é um bom jeito de começar a semana!

. Mas Você Vai Sozinha?
Gaía Passarelli fala sobre um dos assuntos que a gente mais ama: viajar! O papo é com quem já viajou pra algum lugar específico (Japão, Coreia do Norte) ou com quem viaja muito. Legal pra pegar dica, pra relembrar das suas viagens, pra ficar empolgado pra viajar mais!

. Pãodecast
Leandro Neko e Pathy dos Reis falam sobre assuntos variados e o segredo do Pãodecast é que os dois são muito carismáticos – a gente fica querendo ser amiga deles! Já teve programa sobre síndrome do impostor, relacionamentos abusivos, primeiro emprego… É sobre a vida e seus obstáculos, basicamente! Vale o play!

. Caixa de Histórias
Gosta de ler? Então ouça o podcast Caixa de Histórias de Paulo Carvalho – a ideia é conversar sobre livros e tem pra todo gosto, de best sellers como Harry Potter a autores clássicos como Edgar Allan Poe. Bem bacana!

. Rapaduracast e Cinematório
São os podcast do “Cinema com Rapadura“, comandado por Jurandir Filho; e do “Cinematório“, de Renato Silveira e Raquel Gomes. Se você curte cinema, siga os dois!

. Naruhodo
Curiosidades que recebem contrapontos: o “leigo” Ken Fujioka e o cientista PhD Altay de Souza conversam sobre os mais diversos assuntos. E são diversos mesmos: tem o podcast sobre o preconceito “japonês é tudo igual”; sobre a teoria de que “cocô de gato torna as pessoas mais empreendedoras”; e até coisas que desafiam o nosso bom senso do tipo “quando tomo antidepressivos continuo sendo eu mesmo?”. A resposta de tudo isso: não existe resposta fácil, não! E é sempre bom tentar buscar respostas na ciência! 

. Doutora Drag
O podcast de Dimitra Vulcana é um spin off de outro, o HQ da Vida. E ele também é um canal do YouTube! Os temas giram em torno do universo drag e LGBTI, e os episódios são mais curtinhos que o costume, giram em torno de 10 minutos cada um. Ah, o HQ da Vida também é legal e também é LGBTI, tá? Os episódios são bem mais longos e com mais convidados.

. Esquizofrenóias
Amanda Ramalho, que fazia parte do “Pânico”, fala sobre saúde mental de um jeito bem-humorado. Adicção, pensamento suicida, autismo, TOC… Bem interessante, viu? Amanda recebe convidados e sua experiência no rádio a deixa bem à vontade pra entrevistá-los.

. Escuta (do “Nexo”)
O podcast sobre música do “Nexo”, jornal digital do qual a gente é fã, é comandado por Camilo Rocha e Guilherme Falcão. Em cada edição eles abordam “um artista, um movimento, uma ideia, um período da história” com convidados especiais, dicas… A produção é caprichada e bem gostosa de ouvir.

. Presidente da Semana
Esse podcast é um caso diferente dessa lista: produzido pelo editor-adjunto do caderno Poder da “Folha de S.Paulo” Rodrigo Vizeu, ele não tem mais edições semanais. É que cada programa que saiu em 2018 tratava de um presidente da história do Brasil, desde o marechal Deodoro da Fonseca até Jair Bolsonaro – a programação foi calculada pra acabar logo depois do resultado das eleições. Ouvi-lo na sequência nos dá uma noção de quem somos enquanto nação, do quanto que nos desenvolvemos politicamente – uma visão macro. E vale mesmo pra quem não entende ou não se interessa muito por política pois tem um storytelling envolvente.

Tags:                                                                                                                  

Compartilhar