Categorias: Desfiles Nova York

Thom Browne outono-inverno 2013/14

12.02.2013

Como se não bastasse o tom dramático muito próprio dos looks de Thom Browne, o desfile de outono-inverno 2013/14 que rolou na Semana de Moda de NY teve um tom performático forte. Ele trazia homens deitados em camas usando ternos cinza (by Browne, claro), com os olhos vendados e os pulsos amarrados com fitas vermelhas. Já as mulheres, de styling teatral com direito a cabelos mega altos, maquiagem mezzo boneca de séculos atrás mezzo gueixa e meias com rosas aplicadas, passavam pela passarela acariciando os homens deitados com as rosas vermelhas que carregavam. Sexy? Romântico?
O mais interessante no trabalho do estilista é que ele faz essas ousadias em plena temporada de moda americana, onde espera-se uma roupa mais prática e comercial. O contraponto que ele personifica é tipo choque elétrico, com seus volumes quadrados, seus xadrezes Príncipe de Gales, suas rendas e suas saias que marcam a cintura e descem cheias, meio figurino fantasioso de um “Alice no País das Maravilhas” dirigido por Tim Burton – se ele tivesse dirigido de maneira independente, fora dos estúdios da Disney

E mais: o momento é crucial já que esse é o 1º desfile pós-cerimônia de posse de Obama, onde Michelle, a primeira-dama estilosa, optou por um casaco do estilista. Ele poderia ter escolhido um caminho mais palatável com essa deixa, mas preferiu investir ainda mais na imagem de criador de moda, com todo esse impacto de passarela. Corajoso! Quem gosta de ver “roupa” deve odiar, mas quem gosta de ver moda…

Tags:                      

Compartilhar