Rober Dognani outono-inverno 2018

08.11.2017

“Como uma deusa, você me mantém” – a coleção de Rober Dognani é embalada ao som de Rosana e, como diz a música, cheio de deusas na passarela! O desfile que comemorou 15 anos do estilista na Casa de Criadores levantou o público: teve lacre, montação, brilho e muita alegria! “Tive várias ideias, mas não queria fazer um look de cada ano como uma retrospectiva. Então pensei: qual foi a 1ª imagem de moda que tive quando criança? Cheguei nos anos 80, na novela ‘Ti-Ti-Ti‘, toda essa efervescência, essa loucura, os excessos”, conta o estilista. 

A passarela virou um baile de debutante oitentista: vestidos de paetê, laços enormes, cores vibrantes, mangas volumosas e saias balonê. Os destaques foram os vestidos enormes, quase como capas: de tule, esvoaçantes, cheios de babado que quase levavam a plateia junto (um deles foi confeccionado com 40 metros de tecido). Os broches com expressões como “Vraaaa” e “Whoooow!” e as charmosas casquetes criados por Davi Ramos, que também assinou o styling com Flavia Pommianosky, completavam os looks.

A beleza assinada por Max Weber é fresh e tem toque de glitter nos olhos. “Os cabelos são pensados individualmente, respeitando o tipo de cada modelo, como se cada uma delas fosse pro seu próprio baile”, Rober explica. A drag queen Aretha Sadick fechou a passarela cheia de energia e o final, claro, teve chuva de papel metalizado e lambada! A gente adorou essa festa! Na galeria você confere mais – clica pra ver! (Flávia Akemi)

Tags:                                              

Compartilhar