Prada primavera-verão 2014

19.09.2013 - 17:40 Desfiles Milão 4 comentários

Ver mais fotos

A rua é um lugar bom pra se estar. E em tempos de internet e redes sociais, de violência e delivery, ela anda meio esvaziada. Será mesmo? Ou você que está por fora? A cultura jovem continua viva e desenvolta na rua, e é com ela e o streetwear que Miuccia Prada se relaciona nessa coleção de primavera-verão 2014 apresentada na Semana de Moda de Milão. Mas, como sempre acontece no caso de Miuccia, a inspiração não é literal – são alguns elementos, referências estilizadas, interferências e até jeitos de vestir.

Pra começar, a estilista convidou El Mac, Mesa, Gabriel Specter, Stinkfish, Jeanne Detallante e Pierre Mornet, todos artistas jovens, pra fazer trabalhos com os temas feminilidade, representatividade, poder e diversidade. Pro Brasil, que ainda passa por um rescaldo de junho de manifestações na rua, tudo soa bem familiar e atual. E pro mundo também – manifestações de maneira alguma são exclusividade brasileira no momento, ainda mais quando o assunto é minoria (e sim, mulheres ainda são minoria). De qualquer forma, a apresentação não possui um ar político – antes, parece procurar um look glamuroso e festivo pras mulheres celebrarem sua beleza e sensibilidade, mas com pedraria e arco-íris, e não de maneira romântica ou com clichês. Questões superadas: o excêntrico já um dado certo nas coleções de Miuccia, e o interessante é saber o que é a excentricidade da vez, e pensar o que a levou até isso. E saiba, caro leitor, que política é muito mais do que partido e eleição.

O esporte do resort continua forte: punhos, canelados, cores de uniforme de basquete. Ele se combina com o bustiê, que mais parece um protesto: em sobreposições, ele vai na contramão da tendência e não deixa barriga alguma de fora! Chega a se desenvolver num trompe l’oeil amarelo e azul no fundo preto, próximo de uniforme de super-herói. A sensualidade não é mais a barriga: aparece em decotes-recortes, fendas no colo. E tem o sapato de salto esportivo, a polaina-meião que tira um sarro de quem acredita no “certo ou errado”… A Prada é interessante porque não acredita nessas regras. As regras em jogo, ah, elas são outras…

Tags:                                                          

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest Whatsapp

Escolhas da Lilian

Últimas