Prada (masc) primavera-verão 2013

24.06.2012

Depois de coleções nas quais a estampa era tão importante (os desenhos kitsch da primavera-verão 2012, o padrão de gravata vintage do outono-inverno 2012/13), Miuccia Prada faz uma apresentação sem estampa alguma na primavera-verão 2013. Ela está cansada de sobreposições de referências e quer retornar a algo “simples“. De fato, é um retorno ao comecinho do prêt-à-porter da Prada, que teve, pro espanto de quem só a conhece dos anos 2000, desfiles na linha minimalista antes de começar a brincar com o kitsch. Ou seja: se na coleção passada Miuccia voltou àquelas estampas bem brecholentas características dos 70 que fizeram a linha de roupas da grife virar febre, agora ela rebobina ainda mais a fita, pra antes disso!

Nesse rewind, os homens que descem a passarela em forma de rampa no cenário cheio de linhas retas, bem construtivista, usam roupas com vivos marcantes em combinação de cores contrastantes. O “azul Jornada nas Estrelas” com bege e preto, verde grama com vinho… O mais legal é quando esse “flash de cor” aparece na parte interna da calça. Essas faixas também dão um ar esportivo pra coleção. A sandália usada com meia promete ser a nova polêmica fashion – e as bolsas retangulares, por sua vez, devem ser hits, simples e elegantes. A apresentação é mais um statement, pela falta de prints, do que uma supernovidade: as pólos bicolores, por exemplo, já apareciam de outra forma na primavera-verão 2011 ao lado das listras. Ao mesmo tempo, é engraçado ver a provocação da estilista, talvez involuntária, em tempos que o que é tendência é… a estampa total! Confira fotos na galeria!

Tags:                    

Compartilhar