Christopher Kane outono-inverno 2015/16

24.02.2015

Recortes de corpos nus em tecido mais pesado ou transparências coloridas – a ideia de Christopher Kane pra esse outono-inverno 2015/16 é falar de sensualidade, mas ele o faz de um jeito bem sutil, na leveza, em viés, assimetrias… São os detalhes que despertam a imaginação: nada de um sexy óbvio com fendas enormes ou decotes superprofundos. Será que é o resultado de um revertério da sexualidade extravagante do universo Versace que ele experimentou quando fez coleções pra Versus? O que a gente vê na passarela, de qualquer forma, trabalha mais com a ideia da sensualidade no estímulo sensorial (especialmente no toque) do que na pegada “50 Tons de Cinza”. Qual você prefere? Confira mais na galeria!

Tags:            

Compartilhar