Balenciaga primavera-verão 2014

26.09.2013

É como uma estreia. Ou um “dar a cara a bater”: Alexander Wang ocupa o cargo de diretor criativo da Balenciaga e já apresentou uma coleção por ela (de outono-inverno 2013/14), mas a portas bem fechadas. Ou seja, a primavera-verão 2014 é a 1ª vez nas passarelas sob a maison francesa. O zumzum inicial se garantiu com a supertop Daria Werbowy voltando a desfilar – ela fechou a apresentação. Mas isso não é exatamente uma novidade pra marca, que já chamou Gisele Bündchen na era Ghesquière.

E sim, a sombra de Ghesquière continua pairando no ar, primeiro porque Wang não propõe uma ruptura revolucionária – ele está mais pro reformismo em suas criações. E depois, o “primogênito” adorava misturar o street e o sportswear no universo do luxo, e Wang fez do sportswear sua bandeira na marca própria – é de se esperar que as coisas todas conversem. Moral da história: continuam as explorações de silhueta e modelagem, com as linhas curvas (destaque pra calça em que a braguilha se “abre”, à tulipa); seguem algumas referências ao esportivo (regatas, referências à telinha, debrum). Porém, percebe-se uma procura por uma “nova delicadeza”: nas aplicações de “figuras” meio florais, meio abstratas; no “poá peludinho” meio fofo, meio bicho estranho; nos vestidos de festa azul claro e nude blush meio românticos, meio abusados (megacurtos!). Sinais de possíveis rumos? De extra (ou de mais importante) vem a bolsa: estruturada, algo alienígena e em uma direção bem diferente do que a marca vinha fazendo em matéria de acessórios. Nasce um hit?

Tags:                          

Compartilhar