Animale à espanhola em desfilão no MAM-Rio

08.04.2019

Era uma convenção do grupo Soma com lojistas, gerentes, compradores. Mas também acabou virando um desfile pra imprensa – nesse híbrido, a coleção de passarela da Animale de primavera-verão 2019/20 apresentada em uma área externa do MAM-RJ na última sexta, 5/04, ficou mais comercial que o costume. Vitorino Campos, o estilista, contou no backstage que tudo que a gente viu ali vai pra loja: a profusão de couro, os brilhos, os curtíssimos. E existem momentos bem charmosos como o da saia abaixo do joelho com abertura frontal, a estampa com uma explosão de cor que vem de um retrato de Salvador Dalí da sua musa Gala, os mil zíperes, os looks baladeiros primos de Saint Laurent, as ombreiras.

A inspiração é a Espanha. Além de Dalí, aparecem outros momentos artsy: Joan Miró em pinturas feitas à mão e na sarja de estampa de pinceladasAntoni Gaudí no jacquard de malha com figuras abstratas lembrando mosaicos; enfeites de metal com pintura automotiva costurados na alfaiataria que lembram desenhos das portas de Sevilha.

A volta de Luis Fiod pro styling da Animale garante o lado sexy: sandálias de salto usadas com meinha, lenço-gravata noventista no pescoço, top faixa, cabelos de vários jeitos (mas o mais lindo é o cacheado revolts com franja, inclusive em Cris Hermann, uma das musas de Vitorino, que fecha a apresentação). Os lojistas devem ter reconhecido a marca com a qual escolheram trabalhar, a cliente vai amar – tudo certo. (Jorge Wakabara)

Tags:                                                

Compartilhar