O lado anti-social da Vetements pro outono-inverno 2019/20

21.01.2019 - 05:15 Desfiles Paris comente!

Ver mais fotos

Com girafas, zebras e elefantes ao fundo, no Museu de História Natural de Paris, Demna Gvasalia, da hypada Vetements, diz que mergulhou na deep web e no mercado paralelo de bitcoins para inspirar a “Anti-social”, sua coleção pro outono-inverno 2019/20, desfilada quinta-feira, 17/1.

A dose de ironia, já conhecida do estilista da Georgia, começa no nome da coleção, uma reação ao fenômeno das mídias sociais que tanto aclamaram a chegada de Gvasalia ao grand monde da moda. Talvez por isso, muitos modelos têm o rosto coberto por balaclavas ou semiburcas, como que negando a cultura do selfie – ou buscando a liberdade do anonimato.

A coleção exclusiva de óculos da Balenciaga

 Gvasalia brinca com veganismo (a camiseta diz: “sobrevivi à gripe suína, então agora sou vegano”), com a Interpol, com a própria marca etc. Mas é o primeiro look, à Steve Jobs (gola alta preta, jeans e tênis-meia), que resume tudo num alerta, avisando que o que vai vir é chocante e se você quiser ver, é por sua conta e risco, já que “existe um lado escuro da humanidade que a censura não mostra…”
Então, se você quer ver a coleção completa, por sua conta e risco, é só clicar na foto! 

Tags:                            

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest Whatsapp

Escolhas da Lilian

Últimas