Marc Jacobs outono-inverno 2017/18

17.02.2017 - 12:33Desfiles Nova York comente!

Ver mais fotos

Sob o título “Respect”, a coleção de outono-inverno 2017/18 de Marc Jacobs foi apresentada de um jeito bem diferente: o estilista colocou duas fileiras apenas no meio do grande espaço do Park Avenue Armory (que parece um ginásio escolar), e elas formavam um corredor que dava pra porta de entrada mesmo. Na rua, dois “muros de som” com caixas grandonas enfeitavam cada lado. As modelos desfilaram em silêncio dentro do local, e lá fora elas formaram um tableau vivant na frente dos muros – a música só começou a rolar quando o desfile acabou! E o tema faz muito sentido no universo criativo de Marc, apesar dele nunca ter se referido de maneira tão clara a ele: é o hip-hop, cultura que começou a florescer na década de 70 e estourou no mainstream nos anos 90 ditando, inclusive, a moda. Marc vai do “Uptown Funk” ao gangsta com facilidade, das jaquetonas de veludo cotelê ao bling dos acessórios dourados (destaque pro brinco de chave à Janet Jackson), passando por calças oversized, bonés e chapéus “gordos” que são a cara do Pharrell Williams, o zíper na gola, as peles, as pernas de fora (com meia-calça preta transparente e botas), os toques esportivos tipo jogging.

Falar sobre hip-hop numa coleção hoje não deixa de ser um gesto político, pelo movimento Black Lives Matter, por enaltecer uma cultura que começou nas margens, por uma apresentação que simbolicamente ocupou um espaço da rua e também simbolicamente aconteceu silenciosamente. Ao mesmo tempo, em um momento em que se discute bastante na internet brasileira sobre apropriação cultural (especialmente por causa do caso da menina de turbante branca e com câncer), não seria esse desfile inspirado na cultura negra e feito por uma marca importante de NY capitaneada por um branco judeu… um exemplo clássico? Veja mais fotos na galeria e comente sua opinião abaixo!

Tags:                                                    

Compartilhe Imprimir Google + Pinterest Whatsapp

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas